Como a tecnologia tem ajudado a área de seguros automobilísticos?

Certamente a tecnologia tem ajudado e muito a área de seguros, sendo que há uma década o termo insurtech foi criado para poder definir completamente as startups que acabam atuando no mercado segurador.

Sendo assim, daquela época para cá, com o avanço automático da tecnologia para esse tipo de produto e com a transformação digital, várias empresas deste ramo estão se destacando.

Isso porque elas protagonizam e impulsionam a inovação nesse setor em questão!

As insurtechs estão tentando mesmo revolucionar o setor e ainda identificar as tendências globais para seguros autos. Avance na leitura do artigo e saiba tudo sobre estas empresas e os seguros em questão!

Benefícios da tecnologia para a área de seguros

Com a enorme popularização dos seguros em geral, o mercado acabou vendo esse produto sendo oferecido por uma quantidade enorme de seguradoras, que possuem todos os tipos de coberturas.

Geralmente a compra e assinatura de contrato passou a ser influenciada totalmente pelo preço em questão.

Porém, com o aumento da tecnologia, isso acabou por trazer novidades dentro deste mercado e segmento.

E um dos primeiros avanços foi justamente a venda digital desses produtos principalmente os de automóveis, diretamente nos sites das seguradoras ou ainda em plataformas de comparação de preços.

Sendo assim, com o uso mais amplo de dispositivos móveis, o segmento em questão acabou entrando então em uma nova fase.

A maioria dos dados são coletados em tempo real, e os mesmos permitem novos tipos de precificação, tomando como base principal os hábitos de direção de cada motorista.

Conheça algumas tendências globais e as quatro tecnologias usadas nas ofertas de seguros de automóveis

Podemos salientar que à medida em que ocorre a transformação digital, o uso das tecnologias disruptivas nos vários processos das seguradoras acabam ficando ainda mais evidentes.

Ademais, as novas soluções e tecnologias para seguros são incorporadas completamente em processos diferentes.

Isso tudo ocorre a partir da definição de preço, passando para subscrição, comunicação de sinistro, marketing, gestão de processos contábeis e até mesmo a reivindicação de seguro passa por esse sistema.

Claramente a realidade de seguradoras e insurtechs, está sendo totalmente transformada, proporcionando assim, aos usuários uma experiência ainda mais positiva e leva ainda as empresas do segmento para outro patamar.

Vamos conhecer abaixo as 4 tendências globais que estão orientando esse movimento grandioso de digitalização dos seguros.

Sobre a telemática

Veja bem, instalando um dispositivo telemático simples em um carro, as seguradoras acabam sendo capazes de coletar e analisar dados sobre os hábitos e comportamentos do motorista, veem desempenho do veículo e a telemática preditiva.

Ao explorar essa tecnologia a seguradora realmente pode recompensar todos os segurados com prêmios mais baixos, desde que os mesmos se preparem para reduzir o risco ajustando o comportamento por trás do volante.

Ademais, para aqueles grupos de alto risco, essa pode simplesmente ser a diferença entre conseguir a cobertura ou não.

Ao obter esta tecnologia, então o cálculo do prêmio acaba ganhando maior precisão, sendo que os processos de sinistro acabam ficando mais ágeis e o marketing é direcionado com ofertas que realmente fazem sentido para o potencial cliente.

Lembrando que a telemática além de conseguir obter um perfil bem detalhado do segurado, acaba incentivando o engajamento do mesmo.

Isso acontece porque permite então oferecer os produtos adicionais e serviços de valor agregado tal como a localização do veículo em um estacionamento e ainda os lembretes da própria manutenção.

Sobre a internet das coisas

Como a tecnologia tem ajudado a área de seguros automobilísticos?
Como a tecnologia tem ajudado a área de seguros automobilísticos?

Realmente esta é uma tecnologia completamente disruptiva, sendo que a própria Internet das Coisas (IoT) acaba por trazer uma série de possibilidades que anteriormente eram completamente impensáveis.

Um bom exemplo, é a possibilidade de ver um drone auxiliando totalmente no acionamento do sinistro em relação aos seguros.

Claramente isso somente é possível porque os clientes acabam por usar sensores no veículo ou até mesmo em um smartphone.

Logicamente eles são capazes de realizar a detecção de falhas no momento em que as mesmas estão ocorrendo.

Dessa forma, a seguradora simplesmente pode enviar uma assistência imediata na estrada para esses assegurados, justamente após possíveis colisões ou ameaças.

Ele claramente possui acesso rápido a detalhes críticos tais como localização, horário e identificação do motorista.

Esses sensores ainda devem ser usados para monitorar os drivers dos veículos gravando aspectos como distração, ausência de linguagem verbal no carro,

Sendo assim, é possível ainda diminuir o número de acidentes causados por erro de motorista, garantindo maior segurança para todos.

O uso de dados é inteligente, e isso inclui os de terceiros

Sabidamente dentro do mercado de seguros o Big Data é imenso e começou a ser explorado de forma direta pelas insurtechs e seguradoras.

Além disso, muitas estão ainda usando, inclusive, dados de terceiros para poder incrementar estratégias e processos.

Há maior alteração nos hábitos de compra/usuários de veículos

Certamente grande parte dos clientes possui uma ideia bem precisa do que esperam de um seguro de automóvel, geralmente porque essa acaba sendo uma solução ainda mais comoditizada.

Geralmente quem possui um carro deverá contratar um, e o perfil do consumidor não é um só, claramente para novos nichos podemos dizer que existem diversas oportunidades de criar novos produtos.

O que pode vir a acontecer em relação a esses seguros, que já são sucesso em países como Estados Unidos, é que haverá um atendimento voltado para demandas bem especificas e não somente voltados para contratos anuais.

Certamente essas são apenas algumas das principais tendências globais em tecnologia voltada para seguros automobilísticos, e a tecnologia vem aumentando as possibilidades diariamente, permitindo produtos e coberturas novas.

Atualmente é possível personalizar pacotes de acordo com as necessidades dos futuros segurados, permitindo que os mesmos consigam obter coberturas específicas para suas necessidades.

Tudo isso tem mudado gradativamente e é apenas pelo avanço da tecnologia e à desburocratização desses processos.

Logo várias pessoas estão obtendo informações mais rapidamente e que conseguem então fazer as melhores cotações online, tudo sem precisar sair de casa que nem no passado.

E os seguros são essenciais, principalmente nos dias atuais, em que estamos sofrendo diariamente com roubos, violência em geral, principalmente no Brasil!

Compartilhar no facebook
Compartilhar no google
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp